terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Minhas impressões sobre a cidade e algumas coisas mais...


Phoenix é uma cidade planejada, é bonita, mas cheia de contrastes como qualquer outra cidade no mundo. Aqui nem tudo se consegue ser organizado, os prédios às vezes não se encaixam a um padrão, como no centro da cidade, onde algumas áreas foram renovadas e outras completamente deixadas ao descaso, como em qualquer outra cidade...
Ainda sim, prefiro o Brasil. Na nossa desorganização a gente se entende. Aqui não tem muitas opções de transportes públicos, tipo o metrô não corta toda a cidade, não existem várias opções de ônibus para uma mesma parada, e eles não passam de 15 em 15min no mínimo, além de pararem de rodar tipo 10h da noite e alguns param às 7h PM. Todas as necessidades básicas se encontram longe de casa, ou seja, se acaba precisando de um carro para tudo, além dos hospitais não serem públicos, nem as universidades, assim como a maioria das escolas para crianças. Aqui é um lugar caro de se viver.
As comidas aqui são diferentes do Brasil, algumas coisas não têm o mesmo sabor da nossa terrinha, além de um cheiro muito esquisito nas casas, na primeira vez que você entra nelas, acho que é por serem feitas de madeira, não sei.
Algumas pessoas podem me xingar e me condenar por estar falando desse jeito e até se perguntando, o que é que eu continuo fazendo aqui, enfim o que eu penso sobre o estilo de vida americano, não é a mesma coisa do que eu sinto pelo meu marido, eu só vim parar aqui por que gosto muito dele e gostaria que o nosso relacionamento desse certo, por isso estou fazendo esse sacrifício de tentar me adaptar a essa nova cultura.
Ele não sabe falar português, eu não tenho como sustentá-lo, já que ainda sou uma mera graduanda. No caso, eu pensei que por eu falar inglês, eu poderia melhor me adaptar na terra dele do que ele no Brasil, mas até agora não tem sido fácil, embora eu continue tentando. É muito bom vir para os EUA com alguém que realmente esteja preparado para te receber e apenas ser encaixado na vida dessa pessoa, mas outra coisa é ter que vir e colocar todas as peças em ordem, que é o que eu estou tentando fazer.
Por isso pessoas, que lêem meu querido blog, que eu continuo aqui, pois não se deve desistir sem antes tentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário